informe o texto

Notícias | Polícia

Bope descobre em grupo de WhatsApp bandidos ‘organizando’ matança de policiais

O aparelho telefônico de um dos bandidos foi apreendido durante a operação na noite de quarta-feira (05), quando os militares mataram dois traficantes em troca de tiros no bairro Altos da Serra , Cuiabá.

06 Ago 2020 - 12:54

MT 40 GRAUS

Bope descobre em grupo de WhatsApp bandidos ‘organizando’ matança de policiais

Mensagens foram descobertas pelo Bope

Foto: Reprodução


Após a Operação do Batalhão de Operações Especiais (Bope), que trocou tiros e matou bandidos, na noite dessa quarta-feira (5), na Rua dos Penitentes, no bairro Altos da Serra, em Cuiabá, os militares apreenderam o celular de um dos criminosos e descobriram em um grupo de WhatsApp conversa onde participantes sugerem a execução de policiais.

O membro do grupo, identificado com a frase ‘Deus Seja Louvado’ explica que se não reagirem às ações e operações do Bope a ‘gurizada’ vai continuar morrendo e ninguém faz nada.

“Gurizada, vamos começar a matar polícia na rua porque senão todo dia vai ser assim morrendo, gurizada. Ninguém mata polícia por isso, os caras estão matando os caras na rua. Fica tudo pagando de bandido, mas é bandido só para matar um ao outro. Ninguém faz nada para acabar com isso. Altos, cara bom morrendo na rua”, diz trecho da mensagem.

Outra parte que chama atenção é que o bandido afirma que “quando sair vai ser daquele jeito, vai para a quebrada e matar um policial, aí quer ver quem são os bandidos mesmo na quebrada, porque o trem vai ficar loko”.

Em outro trecho, após alguns áudios de resposta, o bandido reforça “Cadê suas pt (patrulha), vamos colocar nossas equipes na rua pra matar polícia. Tenho uns guri ali, loko pra ir pra cima desses c**zão. Se garante veado”.

As mensagens estão sendo monitoradas pelo Serviço de Inteligência, que trabalha para identificar o criminoso que incentiva os homicídios contra os militares e ainda os outros participantes do grupo envolvidos no caso e com organização criminosa.

Entenda o caso
Dois bandidos, sendo um deles identificado como Maycon Luiz Santana Carvalho, morreram e outros quatro ficaram feridos durante a troca de tiros com o Bope no na noite dessa quarta-feira (5), no Altos da Serra.

Segundo fonte, duas viaturas realizavam rondas, que fazem parte de uma operação contra o tráfico de drogas, quando foram recebidas a tiros pelos criminosos. Veja reportagem completa.

Fonte: G1-MT

Vídeo Relacionado

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet