informe o texto

Notícias | Política

PSD irá retribuir apoio e garante apoiar "candidato de Mauro" em Cuiabá

Fávaro ficou contente com apoio do governador, apesar do DEM indicar suplente de Nilson Leitão

15 Set 2020 - 10:34

MT 40 GRAUS

PSD irá retribuir apoio e garante apoiar

Foto: Reprodução

Mesmo não tendo o apoio integral da cúpula do Democratas, o senador interino Carlos Fávaro (PSD) declarou que vai apoiar o candidato que o grupo do governador Mauro Mendes (DEM) pretende lançar na disputa pela prefeitura de Cuiabá. A fala aconteceu durante entrevista a rádio Capital (101.9 FM) nesta terça-feira (15). 

“A tendência é acompanhar a indicação do governador Mauro Mendes, que eu ainda não sei quem é. Quem ele indicar a gente vai acompanhar. Estou só aguardando as convenções dos dois partidos para firmar esse compromisso”, declarou o senador interino.

As declarações ocorrem após a convenção estadual do DEM realizada na noite desta segunda-feira (14). O diretório do partido do governador definiu o apoio ao ex-deputado federal Nilson Leitão (PSDB) na eleição suplementar ao Senado, indicando o ex-governador Júlio José de Campos (DEM) como primeiro suplente na chapa.

Todavia, o governador Mauro Mendes e seu grupo dentro do partido foi liberado para apoiar Fávaro. O chefe do Executivo já vinha, nos últimos meses, manifestando simpatia pela reeleição do parlamentar, que foi seu aliado nas eleições ao Governo do Estado, em 2018. 

Na eleição em Cuiabá, o DEM avalia lançar o ex-deputado federal Fábio Garcia à prefeitura. “Apesar de não ter o apoio de todos do Democratas eu fiquei muito feliz com o governador Mauro Mendes, que honrou seu grupo político e os que caminharam com ele em 2018. Ele reconheceu todo esse trabalho”, colocou Fávaro.

Fávaro ficou em terceiro lugar com 434 mil votos no último pleito e atualmente busca a confirmação do seu mandato, já que está ocupando temporariamente a vaga da juíza aposentada Selma Arruda (Podemos), que teve o mandato cassado por cometer crimes eleitorais.

O parlamentar conta com apoio de quatro legendas: PSD, PP, PV, PTB. A primeira-suplente da chapa será a empresária Margareth Buzetti, indicada pelo ex-ministro da Agricultura e Pecuária, Blairo Maggi. 

A candidatura de Fávaros será homologada durante convenção nesta terça. Durante o partido também será definido o segundo suplente da chapa.

DE VICE A RIVAL
Durante a entrevista, o senador evitou polemizar a possível candidatura do ex-governador Pedro Taques (Solidariedade) na disputa suplementar. Fávaro, que foi vice do ex-tucano entre 2015 e 2018, declarou que os eleitores saberão avaliar os serviços prestados a população. 

“É uma grande opção para o eleitor comparar os serviços prestados de cada um, as atitudes, os posicionamentos, o respeito com o dinheiro público e ao cidadão. Eu quero falar de mim por mim”, concluiu.

Fonte: FolhaMax

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet