14 de agosto de 2022
Destaques Policia Federal Policial

PF apreende 2 adolescentes com notas falsas; 4 detenções em uma semana

A Polícia Federal apreendeu dois adolescentes com notas falsas em Cuiabá. A detenção foi realizada nesta nesta terça-feira (12) após os menores serem flagrados com R$ 2 mil. Ao longo dessa semana, outras duas prisões de crimes semelhantes também foram cumpridas pelos agentes.

 

Os policiais receberam informações de que os menores poderiam receber encomendas com notas falsas e, ao acompanhar a entrega do pacote, verificaram a veracidade da ocorrência. Diante da situação, os adolescentes foram apreendidos e poderão responder por ato infracional análogo ao crime de adquirir nota falsa.

 

A investigação foi realizada pela Unidade Especial de Repressão à Falsificação de Moedae e documentos Federais, em conjunto com a Delegacia de Repressão a Crimes Fazendários da Superintendência Regional de Mato Grosso e a Coordenação de Segurança Corporativa dos Correios de Mato Grosso.

 

 

Prisão em Rondonópolis

Na terça-feira (5), a Polícia Federal prendeu uma mulher de 25 anos, que não teve a identidade divulgada, após a suspeita ser flagrada recebendo notas falsas pelos Correios.

 

A detenção, cumprida na cidade de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá), resultou na apreensão de R$ 2 mil que estavam junto à suspeita – que foi encaminhada à Cadeia Pública Feminina no município.

 

Prisão em Sapezal

Um dia após a primeira detenção, a Polícia Federal cumpriu a segunda prisão, na quarta-feira (6), em Sapezal.

 

Na data, um jovem de 21 anos desempregado foi detido no âmbito da Operação “Posted Money”. A ação contou com apoio de agentes da Coordenação de Segurança Corporativa dos Correios.

 

Durante a fase ostensiva da operação são cumpridos 3 mandados de busca e apreensão expedidos pela 7ª Vara Federal da Seção Judiciária do Mato Grosso.

 

Segundo o apurado, os investigados recebiam pelos Correios notas falsas adquiridas de laboratórios localizados em outros Estados da Federação. No curso das investigações foram apreendidas três encomendas postais contendo mais de R$ 7.500 em nota falsa.

Fonte: Gazeta Digital

Posts Relacionados

Deixe uma resposta