26 de maio de 2022
Destaques Policial

Polícia Civil esclarece latrocínio e prende jovem autora do crime

Uma mulher envolvida no roubo seguido de morte ocorrido na zona rural do município de Aripuanã (1.002 km a noroeste de Cuiabá), foi presa pela Polícia Civil, no final da tarde de sexta-feira (29.04), após diligências ininterruptas para apurar o crime.

O corpo da vítima, Luiz Carlos Medeiros Muniz, de 57 anos, foi localizado na quarta-feira (27), caído dentro do quarto de sua propriedade situada no bairro Vila Rural Conselvan. O corpo apresentava fraturas na região do crânio, possivelmente causado por objeto contundente.

Durante as investigações, apurou-se que na noite do dia anterior, terça-feira (26), um casal aparentando ser usuário de drogas chegou a pé na casa da vítima. No dia seguinte, quarta-feira (27), o mesmo casal foi visto circulando pela avenida Principal da Vila com a moto da vítima.

Com base nas informações, os policiais civis identificaram e qualificaram o casal de namorados envolvidos no latrocínio, sendo então realizadas buscas permanentes com revezamento das equipes para localizar os suspeitos.

No final da tarde de sexta-feira, os investigadores conseguiram localizar ambos escondidos em uma residência no bairro Setor Chácaras. No local ao perceber a presença da Polícia Civil, o rapaz correu para dentro de uma área de mata. Na casa a jovem de 19 anos foi detida e a moto da vítima apreendida.

A suspeita foi encaminhada até a Delegacia de Polícia onde foi ouvida. No depoimento a conduzida assumiu que estava na residência da vítima no dia dos fatos acompanhada do seu namorado, ocasião em que fizeram uso de entorpecentes e de bebidas alcoólicas.

Ela relatou que em determinado momento foi dormir, quando na madrugada acordou com um barulho e viu a vítima já caída sem vida. Em seguida o casal deu “tranco” na motocicleta Titan de cor vermelha de propriedade da vítima, e foram embora levando o veículo e o celular da vítima.

Após o interrogatório, a suspeita foi autuada em flagrante pelo crime de latrocínio. As diligências continuam visando localizar e prender o namorado da presa.

Fonte: Mídia News

Related Posts

Deixe uma resposta